Silêncio…

Ok.  E o que mais eu poderia fazer?

A vida se torna vaga antes que percebamos; logo tudo fica cinza, os perfumes se acabam, o que trazia a alegria se transforma em tédio.

Procurar a felicidade não é exatamente a melhor forma de se viver a vida. Principalmente porque, sendo ela suave, transparente, como haveríamos nós de a encontrá-la?

Somos cegos naquilo que importa.

E pior: somos cegos arrogantes.

Achamos que podemos controlar o universo. Nós, as criaturas mais raras do Todo Grandioso. É presunção suficiente para preencher todo o Grande Vazio que insiste em nos procurar nas noites frias e solitárias.

E o que mais você poderia fazer?

Nossas ações são de fato inocentes se tomadas sós. Mas quem consegue ficar só neste mundo?

Sempre fazemos um minuto de silêncio pelos que se foram.

No estado em que tudo está, deveríamos fazer vários minutos de silêncio pelos que virão.

Mas o silêncio, basta?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s